quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Da vovó, com muito carinho...



Hoje te trago muitos presentes.
Vou deixá-los sobre tua cama...
Trago-te os amigos.
São um pouco frágeis: necessitam de muitos cuidados.
Não te esqueças nunca de usar com eles as palavras "perdão" e "obrigado".
Eles farão o mesmo contigo.

Trago-te uma alma inquieta, sempre em busca de algo mais.
Não te conformes, não te rendas.
Busca sempre o arco-íris depois da chuva.

Uma biblioteca cheia de livros: Se aprenderes a amá-los como amigos, serão tão fiéis que nem a solidão nem o tédio virão te aborrecer.

Trago-te a paciência.
Sei que não gostas muito disso (queres tudo agora mesmo), mas precisarás dela para realizar todos os teus sonhos.
Eu mesma tive que esperar muito por esta maravilha de ser tua vovó.

Trago-te também o futuro.
É todo teu e tudo o que fizeres hoje te servirá pata transformar o amanhã num mundo melhor.
O teu mundo...

Trago-te a alegria de saber que Deus está sempre contigo.
Isso aprendi de minha mãe que, por sua vez, aprendeu de minha avó...
Lembra disso se estiveres triste ou muito feliz.

Trago-te o amor e a confiança de toda a família.
Desfruta cada oportunidade de estarem juntos: não importa o que te aconteça, ou o que faças, todos te apoiarão incondicionalemnte.
Esta união será para ti, muitas vezes, o ninho em que buscrás abrigo e, outras, o lugar onde encontrarás a força necessária para voar muito alto.
Lidia Maria Riba

Todo meu amor.

9 comentários:

Paula Flávia disse...

Que amor lindo, vovó corujinha e certíssima...beijos

juscrap disse...

Que lindo Jaluza! Amor de avó não tem como explicar.
beijos

Claudia Ventura disse...

Tudo muito lindo... teu amor pelos netos e os netos rsss!
Bjss

Iris disse...

Lindos! Que delícia ser avó!bjks.

Feito á Mão by Malú Camargo disse...

Que lindo!!
Amor de vó é tudo de bom!!!
Lindos os netos!!!
Bjos!!

Catia disse...

Aiii que netos lindos!

ALE DOSSENA disse...

Oi Jaluza lindona!!
Sabe que te vi na feira e no jantar e morri de vontade de me apresentar, mas fiquei com vergonha...rs. Você sempre rodeada de gente e me intimidei...rs.
Mas você é de Curitiba, com certeza teremos outras oportunidades de conversar mais de perto né?
Bj grande e vou correr lá ver a troquinha!! Minha parceira já me escreveu.

Ana Cristina Caldatto disse...

que fofis de vovó coruja!
merecedor!

doces e sabias palavras...
peninha que não consigo pratica-las!
beijos beijos

Elica Lopes Vequeti disse...

Oi.
Carinhas mais fofas... uma princesa e um menino sapeca, rs. Parabéns vovó! Bjos querida... agradeço o carinho lá no blog.